• Estival Shoes

Conheça as 7 maravilhas do mundo moderno

Nosso planeta é belíssimo e cheio de encantos naturais que desde os primórdios fascinam a humanidade, mas o homem também tem credibilidade quando o assunto é criar grandes obras.


Na antiguidade os gregos elegeram as 7 Maravilhas do Mundo Antigo, porém no dia 7 de julho de 2007 foram anunciadas pela New Open World Corporation, as 7 Maravilhas do Mundo Moderno, também conhecidas como As Novas Sete Maravilhas do Mundo, sendo essas obras anexadas na história humana como as mais importantes obras-primas criadas pelo ser humano.


Continue lendo e veja quais são as 7 Maravilhas do Mundo Moderno e suas curiosidades!



1. Cristo Redentor

Começando pela maravilha mais moderna da lista, temos o icônico Cristo Redentor localizado no Brasil na cidade do Rio de Janeiro, mais precisamente no topo do morro do Corcovado.


Inaugurada em 12 de outubro de 1931 o monumento é feito em concreto e pedra-sabão, possui no total 38 metros de altura, mais de 1.140 toneladas e está a 709 metros acima do nível do mar. De ponta a ponta os braços do monumento possui 28 metros de largura.


Apesar de tamanha grandiosidade e ser considerada uma das sete maravilhas do mundo moderno, o Cristo Redentor é a terceira maior estátua de Jesus Cristo do mundo perdendo apenas para a Estátua de Cristo Rei com 52,5 metros de altura localizada na Polônia e Cristo de la Concordia na Bolívia com 40,4 metros de altura.


Mesmo não sendo a maior representação escultural de Jesus, o Cristo Redentor esbanja beleza, imponência e representatividade. É considerado o principal cartão postal do Brasil.


Além de ser uma das sete maravilhas do mundo moderno foi considerado em 2011, por pesquisa em toda América do Sul, o maior simbolo da America Latina e se já não bastasse em 2012 a UNESCO considerou o monumento como parte da paisagem do Rio de Janeiro e Patrimônio da Humanidade.



2. Grande Muralha da China – China


Construída ao longo de várias dinastias, a Grande Muralha da China teve seus primeiros tijolos colocados no ano 220 a.C. por ordem do primeiro imperador chinês Qin Shihuang, da dinastia Qin.


Porém a obra continuou nas dinastias seguintes e teve sua provável conclusão em meados de 1644 na dinastia Ming.


A premissa da obra era oferecer proteger as fronteiras ao norte do Império contra invasões inimigas, mas por sua grandiosidade tornou-se uma das construções mais icônicas da história da humanidade.


A muralha é feita de pedra, tijolo, terra compactada, madeira e outros materiais ao longo dos seus mais de 8.850 km desde Dandong até Lago Lop. Porém se considerar trilhas, trechos em montanhas, trechos da muralha que não existem mais, trincheiras e outros fatores que fazem ou já fizeram parte da muralha a extensão chega a ‎21.196 km.



3. Taj Mahal – Índia


O mausoléu mais famoso do mundo é também o principal cartão postal da Índia, estamos falando do Taj Mahal.


Sua construção teve início em 1630 e seguiu até 1652 por ordem do imperador Shah Jahan e contou com aproximadamente 22 mil trabalhadores.


Localizado em Agra, o monumento foi feito como uma homenagem à Aryumand Banu Begam, esposa preferida do imperador que faleceu dando à luz a um de seus filhos.


Conhecido como a maior prova de amor da história, o nome Taj Mahal foi inspirado no apelido singelo e carinhoso que o imperador dera a sua amada e significa “joia do palácio”.


Considerado uma das sete maravilhas do mundo moderno e também Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, o Taj Mahal foi erguido sob o túmulo de Aryumand Banu Begam e unido ao rio Yamuna possuindo em seu interior pedras semipreciosas costuradas com fios de ouro em sua cúpula.





4. Machu Picchu


Talvez a mais intrigante maravilha da lista, Machu Picchu é localizada no Peru e é chamada também de “cidade perdida dos Incas”.


Além de sua arquitetura misteriosa e interessante, o lugar é a maior herança de um dos povos mais intrigantes da história humana.


A cidade foi construída no século 15 e descoberta em 1911, no topo de uma montanha com 2.400 metros de altitude, no vale do rio Urubamba.


Atualmente, entretanto, o monumento conta com apenas 30% de sua construção original, o restante foi todo reconstruído, permitindo uma pequena ideia do que seria toda a sua grandiosidade, caso a obra permanecesse intacta até hoje.


Assim como outros dessa lista, Machu Picchu também é Patrimônio da Humanidade, segundo a UNESCO.


O que mais chama a atenção de cientistas e geólogos em todo mundo é a arquitetura da cidade e a avançada engenharia hidráulica e de solo empregados naquela época.



5. Chichén Itzá


E por falar em civilizações antigas em intrigantes, os Maias também têm seu espaço nessa lista.


Chichén Itzá foi um polo urbano importante dos maias na planície norte no início (600-900) e no final (cerca 800-900) do período clássico e também no início do período pós-clássico (cerca de 900-1200) servindo como centro político e econômico desse povo, que presenteou o mundo com sua cultura e arquitetura exuberante.


A pirâmide de Kukulkan, provavelmente o ícone mais importante e popular de todos os templos Maias; a Praça das Mil Colunas, o Campo de Jogos dos Prisioneiros, e o Templo de Chac Mool também são exemplos da grandiosidade e dedicação deste povo e atrações que podem ser visitadas dentro do sítio arqueológico.


Curiosamente a cidade de Chichén Itzá foi abandonada em 670 d.C. e reconstruída 300 anos mais tarde, quando se tornou o centro da cultura maia e a cidade mais importante do nordeste de Yucátan.



6. Coliseu


Considerado o maior símbolo do grandioso Império Romano, o Coliseu, também conhecido como Anfiteatro Flaviano, é o mais famoso anfiteatro do planeta e uma das obras arquitetônicas mais importantes para a história da humanidade.


Localizado no centro da cidade de Roma, capital da Itália, o Coliseu foi cenário de massacres de cristãos, lutas de gladiadores e obras teatrais, o local foi ainda palco de capítulos que só lhe danificaram.


A construção começou sob o governo do imperador Vespasiano em 72 d.C. e foi concluída em 80 sob o regime do seu sucessor e herdeiro, Tito. Outras modificações foram feitas durante o reinado de Domiciano (81-96). Estes três imperadores são conhecidos como a dinastia flaviana e o monumento foi nomeado em latim desta maneira por sua associação com o nome da família (Flavius).


Com capacidade para até 80 mil espectadores em épocas áureas, o Coliseu é conhecido no mundo todo pela sua grandiosidade e por ter sido o iconico simbolo de um dos maiores impérios que o mundo já viu.



7. Ruínas de Petra


A cidade de Petra, conhecida também como Cidade Rosa, é famosa por sua arquitetura esculpida em rocha e por seu sistema de canalização de água.


As ruínas da cidade são consideradas uma das sete maravilhas do mundo moderno por serem inteiramente esculpida em arenito, que sobreviveram aos terremotos e a corrosão natural do tempo, são donas de uma beleza única.


Antes mesmo da construção do Coliseu, a cidade de Petra foi conquistada e incorporada ao Império Romano por volta de 63 d.C.


Localizada entre as montanhas que formam o flanco leste de Wadi Araba, vale que vai do Mar Morto ao Golfo de Aqaba, Petra foi habitada aproximadamente em 1200 a.C., pelos Nabateus, responsáveis pela bela arquitetura da cidade.


Além de ser considerada uma das sete maravilhas do mundo moderno, em 6 de dezembro de 1985, Petra foi reconhecida como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

25 visualizações

Entre em contato

NOSSA EQUIPE ESTÁ PRONTA PARA TE ATENDER

ESTIVAL Importação & Exportação Ltda

Rua Geraldo Garcia do Nascimento, 2580 - Distrito Industrial - Franca/SP - CEP: 14.406-075 - Tel.: 16 3713 7300

Estival GmbH

Lindberghstrasse 5 – 40764 – Langenfeld – Germany 
Phone: + 49 2173 8549150 / Fax: + 49 2173 977937

Televendas:

0800-3407300

Depto Comercial:

+55 16 3713 7300

E-mail:

estival@estivalshoes.com

© 2020 Estival Importação & Exportação LTDA. Copyright - Todos os direitos reservados.